PALIMPSESTO

Esta coluna é organizada por Vera Saad. Nela serão apresentados textos de escritores que de alguma forma a influenciam, além de reflexões sobre as muitas leituras e muitos autores encontrados em um texto literário, como um grande palimpsesto. Ganhará luz aqui o escritor/leitor, quem em algum momento foi leitor/escritor.

A beleza do que não vemos
A natureza celular do encontro
Somático II
Pra mais de mil olhos
A natureza deste texto e de todos e de tudo
Hematófagos
Em busca do tempo perdido
Os jornalistas segundo Balzac e Maupassant
Às vésperas de finados
Poemas de Carolina Braga Ferreira
H
Das escritoras e leituras
Ménage à trois
Aviso Prévio
O mar invisível perdido na chuva

_______________________
Vera Saad é autora dos romances Dança sueca (Patuá, 2019) e Telefone sem fio (Patuá, 2014) e do livro de contos Mind the gap (Patuá, 2011), Vera Saad é jornalista, mestre em Literatura e Crítica Literária pela PUC – SP e doutora em Comunicação e Semiótica também pela PUC – SP. Ministrou no Espaço Revista Cult curso sobre Jornalismo Literário em 2012. Tem participações nas revistas Cult, Língua Portuguesa, Metáfora, Portal Cronópios e revista Zunái. Vencedora do concurso de contos Sesc On-line 1997, avaliado pelo escritor Ignácio de Loyola Brandão, foi finalista, com o romance Estamos todos bem, do VI Prêmio da Jovem Literatura Latino-Americana. Seu romance Dança sueca foi selecionado pela Casa das Rosas para o projeto Tutoria, ministrado pela escritora Veronica Stigger.